Jimple – Container de Injeição de Dependências desenvolvido em ES6

Em aplicações simples, é normal você não precisar lidar com muitas classes, funções ou variáveis. No NodeJS, por exemplo, para fazer um "Hello World" usando ExpressJS você normalmente precisa lidar com apenas 2 variáveis (no máximo do máximo). Mas, quando a aplicação vai ficando maior, é normal você começar a lidar com dezenas de classes, e, se bem projetadas, com suas dependências. Hoje, vou falar um pouco sobre o Jimple, uma biblioteca prática que desenvolvi para resolver esse problema no desenvolvimento com NodeJS. Continuar lendo Jimple – Container de Injeição de Dependências desenvolvido em ES6

Plato – Escreva código Javascript com mais manutenibilidade

Exemplo de relatório do jQuery criado pelo Plato. Clique para abrir.
Exemplo de relatório do jQuery criado pelo Plato. Clique para abrir.

Não adianta, quanto mais um software tem seu código mal-escrito, mais dificil é de mantê-lo, seja consertando bugs ou implementando novos recursos. E veja só, implementar recursos e consertar bugs é algo essencial para o seu software ser sustentável financeiramente (pois se for bugado teoricamente ninguém usa, correto?).  Então, usar ferramentas que permitem acompanhar a qualidade do seu código é algo no mínimo necessário, e hoje eu vou falar um pouco sobre o Plato, uma ferramenta interessante desenvolvida em NodeJS que cria um relatório, igualmente interessante, que mostra variados aspectos sobre o seu código Javascript (seja ele projetado para executar em server side ou em client side), como erros de lint, cálculo de complexidade, dificuldade de manutenção e muitas outras informações.
Continuar lendo Plato – Escreva código Javascript com mais manutenibilidade